16 julho 2011

A mai(s)

O sêmem, as outras,
a falta de tato, os destratos:
há coisas que a gente só engole no amor.

Mas depois que tudo isso passar,
não pergunte porque a gente cospe,
me faça o favor!

(Sarau do Portal do Poeta, 11 de julho)

Um comentário:

  1. vou te falar viu...
    Ô, eu tava lá no dia dessa fotinho aí.
    bjbjbjbj.

    ResponderExcluir